Total de visualizações de página

domingo, 10 de junho de 2012

Tipos de papagaio

Outras designações No Brasil cafifa, papagaio, quadrado, piposa, pandorga (no Rio Grande do Sul e Santa Catarina), arraia ou pepeta (em estados como Acre e Amazonas). E em Portugal, papagaio de papel, no arquipélago da Madeira como joeira. Pipa x arraia; Muito populares nos subúrbios da cidade do Rio de Janeiro, são chamadas de pipas propriamente ditas aquelas em formato de pentágono, com cabresto triangular e rabiola. Já as arraias não possuem rabiola, e são mais comuns em Niterói. Tipos de pipas • Suru - pipa que não tem rabiola e também em sua fabricação só utiliza duas taletas (varetas) em forma de cruz e é totalmente encapada. • Raia - não utiliza rabiola e tem formato de losango. • Peixinho - semelhante a raia, mas em sua maioria leva rabiola. • Morcego - pipa sem rabiola, em formato retangular e não é totalmente encapada. • Pião - pipa grande que precisa de muita rabiola para subir é considerado pião, quando a vareta central da pipa geralmente ultrapassa a medida de 60 cm. • Telequinho (ou Jerequinho no RJ) - pipa pequena que precisa de pouca rabiola para subir. • Telecão (ou Jereco no RJ) - pipa um pouco maior que o telequinho. • Maranhão - pipa com rabiola e muita mobilidade. • Carrapeta - feita com três varetas em tamanhos diferentes, uma central (de maior tamanho) e duas transversais, formando uma espécie de cruz, com espaço entre si, sendo que a inferior é em tamanho mais curto. • Baratinha ou Charutinha - espécie de pipa com rabiola, possui formato retangular, tem muita agilidade. Surgiu no RJ, na evolução dos modelos de pipas de SP. • Pipas de Biquinho - modelo muito conhecido dos cariocas, com rabiolas imensas, tem capacidade de chegar muito longe. • Pipa "Batata" - semelhante a carrapeta, sendo que as varetas transversais não do mesmo tamanho. • Pipa Modelo - conhecidas pelos seus formatos variados, destacadas não só pelo seu tamanho, que pode ser muito grande, mais também pela beleza. Muito vistas em "Festivais". Texto tirado da net Desconheço o autor

Nenhum comentário:

Postar um comentário